1. Homepage
  2. Tax & Accounting
  3. ONESOURCE
  4. Blog Tributário
  5. Vantagens da automatização de processos na gestão tributária

blogpost

Vantagens da automatização de processos na gestão tributária

Manter compliance fiscal e aumentar a produtividade do departamento são apenas alguns dos desafios na gestão tributária. A tecnologia pode oferecer o suporte necessário com a automatização de processos. Saiba como no artigo!

O amplo uso da tecnologia oferece uma série de avanços para empresas de todos os segmentos. Na gestão tributária não seria diferente. Cada vez mais, as novas soluções tornam a rotina do setor mais dinâmica, produtiva e digital.

Com o suporte das novas ferramentas, a equipe interna ganha agilidade e precisão nas entregas, gerando inteligência de negócio para a empresa. 

A automatização, por exemplo, já é uma realidade nas companhias. Ela pode trazer uma série de benefícios quando aplicada em processos operacionais que demandam muito tempo dos colaboradores.

Neste artigo, mostramos como as tecnologias de automatização de processos na gestão tributária podem ajudar sua empresa.

Continue lendo o artigo!

Como funciona a automatização de processos?

A automatização usa diferentes ferramentas tecnológicas para tornar viável a execução das atividades operacionais e de rotina de uma empresa.

A partir da integração de diferentes sistemas, da inteligência artificial e com o suporte de equipamentos modernos, é possível automatizar atividades repetitivas, centralizar dados e melhorar a gestão das tarefas, com um controle preciso.

Na prática, a automatização contribui para a organização das demandas internas e o cumprimento de prazos, resultando em maior qualidade na entregas e otimizando o compliance fiscal.

Vale destacar que automação é diferente de automatização. Veja só:

  • automação permite que a atividade seja executada sem interferência ou intervenção humana. Neste caso, ela funciona como mecanismos autorreguláveis capazes, inclusive, de fazer as correções quando necessário.
  • automatização exige que um profissional programe, gerencie ou controle a tarefa. Assim, ao usar uma ferramenta em nuvem, por exemplo, você automatiza uma série de atividades, especialmente operacionais, de maneira simples e rápida. 

Gestão tributária: 4 vantagens da automatização de processos

Na rotina de um departamento tributário, a automatização do fluxo de tarefas pode impulsionar a produtividade do time, oferecendo suporte, inclusive, para o crescimento e a sustentabilidade da companhia.

A seguir, apresentamos benefícios que justificam o investimento na automatização das tarefas. Confira!

#1 Diminuição de custos

Especialmente em um cenário de crise, essa é uma vantagem de destaque. A boa notícia é que a automatização de processos gera, sim, redução de custos para a companhia. 

Isso porque, a partir do desenvolvimento deste tipo de projeto, a empresa também dá um salto de produtividade, reduz as tarefas repetitivas e centraliza os dados em uma única plataforma, obtendo visibilidade analítica para um gerenciamento mais preciso. 

Então, ainda que o investimento inicial em automatização seja representativo, é ter em mente que, à médio e longo prazo, os custos são reduzidos, estabilizando o orçamento do setor.

#2 Diminuição de erros

Quando o time do departamento tributário passa a ter acesso aos dados em uma base centralizada e o fluxo de processos é automatizado, as entregas são feitas de maneira mais ágil e assertiva.

Isso porque o trabalho do departamento ganha em padronização e organização também. De tal modo, o número de erros também diminui, evitando, inclusive, retrabalhos e até multas por entregas incorretas e tributos não pagos por esquecimento.

#3 Aumento da velocidade de acesso às informações

Quantas vezes você já precisou de uma informação com agilidade e ficou um bom tempo procurando o local de armazenamento? Em um processo de auditoria, por exemplo, essa rapidez faz toda a diferença.

Com a automatização, além de manter as tarefas em um fluxo predefinido pelos profissionais do setor, é possível organizar os dados em uma base centralizada, mas acessível para todos os envolvidos.

Isso torna a rotina da gestão tributária mais dinâmica e, consequentemente, melhora os resultados obtidos.                   

#4 Redução do trabalho repetitivo e aumento da produtividade 

O ganho de produtividade é expressivo com a automatização dos processos. A partir deste movimento, é possível gerar resultados mais positivos, em menos tempo, com o mesmo time. 

Na prática, trata-se de canalizar a energia dos profissionais para as demandas realmente estratégicas do setor, enquanto as tarefas repetitivas são executadas com a ajuda da tecnologia.

O aumento de produtividade é sentido, principalmente, porque os colaboradores passam a ter uma série de dados sempre disponíveis. Além disso, atividades demoradas e exaustivas, como cálculo de impostos e atualização de diretrizes normativas, são feitas automaticamente.

Tudo isso e muito mais permanece acessível para o time do departamento tributário com apenas alguns cliques. Dessa forma, com mais praticidade, você também evita a sobrecarga de trabalho e o cansaço do time, mantendo a motivação em alta. 

Em síntese, com a automatização das tarefas repetitivas, os profissionais ganham tempo para priorizar outras tarefas, como o planejamento tributário e a inovação do setor. 

A automatização requer a interação humana, oferecendo como principais vantagens produtividade, consistência e eficiência. O paradoxo da automatização está justamente nesse aspecto. À medida que o setor se torna eficiente usando a automatização, o envolvimento humano se torna mais importante e menos frequente.

Gostou de conhecer o potencial da automatização para a gestão tributária? Continue acompanhando o blog para conhecer outras soluções!