1. Homepage
  2. Soluções jurídicas
  3. Blog Jurídico
  4. 2020: o ano em que a gestão jurídica começou a fazer equilibrismo

blogpost

2020: o ano em que a gestão jurídica começou a fazer equilibrismo 

Neste post damos alguns avanços sobre o relatório “2021 - A situação do mercado jurídico global” elaborado pelo Center on Ethics e Legal Profession da Georgetown University Law Center, em parceria com Thomson Reuters. Não perca!

O advogado é um equilibrista. Esta é a nova tendência da gestão jurídica, de repente o mundo mudou, uma pandemia estourou e todos começamos a caminhar na corda bamba. É sobre esse acúmulo contraditório de medo e esperança que se trata o relatório “2021 - A situação do mercado jurídico global”, elaborado pelo Center on Ethics e Legal Profession da Georgetown University Law Center, em parceria com Thomson Reuters.

Nele se apresentam nossos pontos de vista sobre as tendências dominantes que afetaram a gestão jurídica em 2020 e as principais questões que provavelmente influenciarão o mercado em 2021 e o futuro do Direito.

Os dados desse relatório foram fornecidos pelo Peer Monitor®1 e Acritas, ambos parte da Thomson Reuters, e baseiam-se nos resultados reportados por 162 escritórios de advocacia nos Estados Unidos.

Continue lendo!

O ponto de virada da gestão jurídica

Os efeitos combinados de uma pandemia global, uma crise econômica e incerteza política no Brasil e em outros lugares, colocam o ano de 2020 nos livros dos recordes de desafios para o advogado do futuro.

Foi um ano em que os escritórios de advocacia passaram por disrupções sem precedentes nas suas operações e foram forçados a se adaptar rapidamente às mudanças drásticas do mercado. O fato de a maioria dos escritórios ter se ajustado a esses desafios com um sucesso notável é um tributo à inovação dos seus líderes e ao futuro do Direito.

Incertezas vs. Insights - lições aprendidas

A incerteza persiste quanto à duração das disrupções relacionadas à pandemia e quantos meses provavelmente passarão antes que as empresas possam retornar às operações “normais”. Também há incertezas e especulações consideráveis sobre quais serão as operações “normais”, mesmo em um mundo pós-pandemia.

Portanto, 2020 pode ser visto como um ponto de virada para o redesenho da prestação de serviços jurídicos em uma escala mais ampla. Isso tem sido visível:

●      na mudança do papel e nas expectativas dos clientes;

●      nas alterações nos preços dos serviços dos advogados;

●      no crescimento da concorrência (incluindo escritórios de advocacia não tradicionais);

●      na inovação da tecnologia.

Combinadas, essas tendências levam o mercado a tornar a prestação de serviços e a gestão jurídica mais eficiente, previsível e barata, impulsionando, dessa forma, a tecnologia do amanhã nos escritórios jurídicos hoje. Aplicar esses insights ao mercado jurídico em 2021 pode ser instrutivo.

A força do mercado e o futuro do direito

Embora muitas empresas tenham aceitado a inovação em resposta a essas forças de mercado, muitas outras não o fizeram. O obstáculo para uma mudança real tem sido, na maioria das vezes, alguns dos próprios sócios advogados, que vêm resistindo, por diversos motivos, a tentar novas abordagens de gestão jurídica.

Indiscutivelmente, a pandemia da COVID-19 exacerbou e acelerou todas essas tendências. A questão é se os efeitos combinados da pandemia podem ter atenuado a resistência dos sócios a mudanças fundamentais o suficiente para criar um ponto de virada nas pressões crescentes para um redesenho significativo na reconstrução dos sistemas de gestão jurídica — incluindo os escritórios de advogados.

Desempenho dos escritórios de advocacia em 2020

O mercado de serviços de escritório de advocacia teve um desempenho razoavelmente bom durante uma década. Nesse período, os escritórios conseguiram manter a lucratividade em níveis que lhes permitiram permanecer competitivos no mercado por meio de:

  1. aumentos expressivos dos seus honorários;
  2. diminuição de sócios de capital e aumento de profissionais que recebem honorários;
  3. controle agressivo dos custos.

As táticas descritas levaram a um desempenho financeiro particularmente bom em todo o mercado em 2018, 2019 e nos primeiros dois meses de 2020… em março foi quando começamos a caminhar na corda bamba.

Embora os números da demanda média diária tenham acompanhado as médias dos dois anos anteriores de maneira muito próxima em janeiro e fevereiro, eles começaram a divergir significativamente durante o mês de março, afetando todas as práticas de escritórios de advogados, com a notável exceção da área de falências e reorganizações.

Liberais vs estadistas: a inovação do mercado

Em nível mundial, testemunhamos uma trégua na eterna batalha entre estadistas e liberais sobre a intervenção do Estado na vida econômica, sendo quase sempre aceito de forma consensual que o Estado participe ativamente da reconstrução econômica.

●      De acordo com o Law Firm Business Leaders Report de Thomson Reuters, mais de 59% das empresas (79% das pequenas e 48% das grandes) solicitaram e garantiram apoio financeiro do governo durante 2020, principalmente na forma de empréstimos do Programa de Proteção da Folha de Pagamentos da Administração de Pequenas Empresas dos EUA sob a Lei CARES.

Sócios de Capital

As ações tomadas pelas empresas em 2020, combinadas com as retenções significativas nas despesas - resultantes do fechamento de escritórios e outras restrições às operações normais - acarretaram em um crescimento muito forte nos lucros por sócio de capital, mesmo durante este ano turbulento e incerto.

De fato, todos os segmentos de mercado registraram uma melhora expressiva no aumento do lucro igualitário entre sócios de capital PPEP (Profits Per Equity Partner) em relação a 2019, e há grande possibilidade de todas as áreas terminarem o ano com um crescimento do PPEP bem acima de 10%.

O advogado equilibrista

Como você pode ver, em 2020 a gestão jurídica começou a andar na corda bamba e continuamos até hoje. A boa notícia é que aprendemos a andar sem cair e fomos capazes de mitigar os danos de uma crise sem precedentes graças à resiliência dos advogados e ao papel da tecnologia na rotina do escritório

Por isso, a Thomson Reuters elaborou o estudo “2021: A situação do mercado jurídico global” Baixe-o agora mesmo para que você possa estar ciente do contexto do mercado jurídico e tomar as melhores decisões.

Soluções Jurídicas

Blog Jurídico

Encontre respostas de forma ágil sobre a realidade do Direito.