Um olhar adiante: encerramento da Fenalaw 2017 traz as #RespostasConfiáveis para o futuro da profissão jurídica

Durante os três dias da Fenalaw 2017, a Thomson Reuters promoveu os assuntos mais inovadores e as soluções certas para que os profissionais do mercado jurídico brasileiro possam evoluir e construir um futuro de produtividade e eficiência. Entregar as #RespostasConfiáveis nem sempre é uma tarefa fácil. Por isso, reunimos os renomados autores do selo editorial Revista dos Tribunais e especialistas de prestígio para liderar debates sobre as demandas latentes e as tendências do Direito no Brasil e ao redor do mundo. O último e terceiro dia da Thomson Reuters na Fenalaw 2017 trouxe um olhar sobre o futuro da profissão jurídica, o que esperar dos players desse mercado no futuro, além de perspectivas corporativas das novas tecnologias como impulsionadora de negócios jurídicos.

Ana Paula Neves, diretora de Corporações e Governo na Thomson Reuters abriu o último dia do Congresso Fenalaw 2017 como moderadora do painel “O que muda com a Reforma Trabalhista e Lei da Terceirização? Quais os reflexos para o setor jurídico das companhias?”,  juntamente com ALdrey Libony, diretora jurídica do contencioso trabalhista da CONTAX, Marília Minicucci, sócia na Mattos Engelberg Advogados, Maria da Glória Chagas Arruda, superintendente jurídica no Itaú Unibanco e Otávio Pinto e Silva, sócio no Siqueira Castro Advogados.

A primeira sessão do dia no Thomson Reuters’ Trust Summit  foi liderada por Bruno Feigelson, Sócio do escritório Lima Feigelson Advogados, CEO da Sem Processo, diretor-presidente da AB2L (Associação Brasileira de Lawtechs e Legaltechs) e Head de futurismo na Future Law. Na ocasião, Bruno levou os participantes a uma viagem pela maturidade das Lawtechs, em um debate com o tema “2037: o que as startups jurídicas estão preparando para o futuro?” . “Minha ideia foi levar os participantes a uma viagem ao futuro, mostrando como um profissional jurídico lidaria com a rotina diária do Direito, com base nas tecnologias e realidades que estão por vir”, disse Bruno. “Em poucos minutos, com base em jurimetria e diversas informações, uma minuta de acordo será elaborada por robôs", completou. 
A especialista jurídica para startups em cryptocurrency e membro do comitê Blockchain da AB2L, Amanda Lima, reuniu os participantes ao redor da discussão sobre o compliance e responsabilidade civil no mercado financeiro online. Por meio de exemplos práticos e teóricos, Amanda discursou sobre a importância da organização de documentos e procedimentos para a transparência no ambiente de exchange online, além da adoção de procedimentos e controles que permitam confirmar e garantir a identidade de cada ser na nuvem. “É fundamental que os usuários desses mercados sejam submetidos a padrões de adequação relacionados à prevenção de fraudes como lavagem de dinheiro e financiamento ao terrorismo”, disse. “O dever de informar e a finalidade de esclarecer sobre aspectos que, sem os quais, o consumidor tem capacidade de discernimento e previsão reduzidos”, completou. 
Com o advento da Internet das Coisas, aplicada na melhoria da performance focada em resultados obtidos com maior velocidade e mais precisamente, cada vez mais, as áreas de TI das corporações estão sendo ativadas no desenvolvimento e aplicação de novas tecnologias para alavancar a performance de cada departamento. O Jurídico não fica para trás. Esse assunto foi a pauta do debate liderado por Rodrigo Cantelli, Diretor Executivo e CIO na Olé Consignado, e Álvaro Loureiro, Secretário Geral e Head para o Jurídico, Compliance, Ouvidoria, Governança e Relacionamento na Olé Consignado. Durante o debate, os dois instigaram os participantes com exemplos práticos do aumento de produtividade nos processos do departamento jurídico, além da maior visibilidade em ações que podem ser simplificadas com a aplicação de ferramentas de software. “Desenvolver modelos preditivos, por meio de tecnologia, a fim de facilitar as tomadas de decisão do jurídico, é o que torna as áreas de TI parceiros estratégicos nos processos jurídicos corporativos”, disse Álvaro. 
Durante o Thomson Reuters’ Trust Summit, Fábio Ulhoa Coelho, advogado e autor pelo selo editorial Revista dos Tribunais, promoveu o lançamento da sua obra “Novo Manual de Direito Comercial”, por meio de uma leitura comentada do livro, ressaltando as discussões principiológicas da liberdade de iniciativa, livre concorrência e funções sociais das corporações. Ulhoa ainda levantou os principais pontos enfrentados pelar corporações no desafio à produtividade e as relações com esferas regulatórias e legislativas. Ficou interessando no tema? Clique aqui e veja mais informações sobre a obra.  
A última sessão de conteúdo promovida pela Thomson Reuters durante o evento foi liderada por José Leonélio Souza, consultor sênior para Governança, Gestão de Risco e Compliance da Thomson Reuters, que trouxe a temática das “O interesse do negócio pode superar o risco de corrupção?”, abordando assuntos como as práticas exigidas pela Lei Anticorrupção, em tempos de escândalos envolvendo corporações e esferas do governo. “Fazer apenas o cadastro de terceiros na sua base de fornecedores é algo muito simples e superficial. A regra é conhecê-los do ponto de vista reputacional”. Disse Leonélio. “Práticas como due delligence ajudam corporações na avaliação de terceiros, conhecendo-os a fundo, a fim de blindar a marca de riscos à sua imagem”.   

 

> PARA QUEM PRECISA DE INOVAÇÃO NA GESTÃO JURÍDICA > LEGAL ONE 
A Revolução digital no gerenciamento e inteligência estratégica para escritórios de advocacia e departamentos Jurídicos

> PARA QUEM PRECISA DE CONHECIMENTO ESTRATÉGICO > REVISTA DOS TRIBUNAIS 
O Selo Editorial Revista dos Tribunais reúne autores consagrados do meio Jurídico em obras aprofundadas para capacitar os profissionais do Direito, respaldando-os com respostas rápidas, precisas e confiáveis.

> SOBRE A THOMSON REUTERS  | LEGAL
Respaldamos os profissionais do Direito com respostas confiáveis para as suas decisões mais estratégicas, combinando inteligência, tecnologia e os melhores especialistas, oferecendo soluções digitais inovadoras para a gestão eficiente e gerando conteúdo relevante para as mais diversas áreas do mercado Jurídico.