São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia têm aumento de arrecadação de ICMS em 2017

Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná são estados que mantiveram movimento de alta dos últimos anos. Levantamento é da Thomson Reuters com base na divulgação da Receita Federal

São Paulo, 19 de abril de 2018 – Em 2017, ano em que setores importantes no Brasil iniciaram a reversão dos cenários de queda da atividade econômica, os tributos estaduais mantiveram o que já vinha acontecendo nos anos anteriores: o crescimento na arrecadação. O ICMS registrou em 2017 mais um pico no volume obtido. Levantamento da Thomson Reuters sobre os dados da Receita Federal mostra aumento de R$ 414 bilhões em 2016 para R$ 436 bilhões de arrecadação em 2017, crescimento de 5,8%.

O estado de São Paulo segue sendo o líder no volume de ICMS arrecadado. Após período de leve queda entre 2015 e 2016 (R$ 126 bilhões e R$ 125,8 bilhões respectivamente), voltou a crescer, obtendo R$ 132 bilhões de ICMS em 2017, aumento de 5%. O mesmo foi observado no Rio de Janeiro e na Bahia, que apresentaram leve queda entre 2015 e 2016, seguida de retomada em 2017. Os fluminenses arrecadaram no último ano R$ 32,5 bilhões em ICMS enquanto os baianos acumularam R$ 21 bilhões -  aumentos de 2,4% e 18% respectivamente.

Estados que já vinham em crescimento de arrecadação mantiveram o movimento em 2017. Minas Gerais passou dos R$ 41,9 bilhões de 2016 para R$ 46,6 bilhões em 2017, subida de 11%. No Rio Grande do Sul o avanço foi de R$ 30,3 bilhões para R$ 31,9 bilhões no último período, 5% de aumento. No Paraná, houve crescimento de R$ 26 bilhões para R$ 29,5 bilhões, 13% a mais. Santa Catarina (de R$ 16,9 bilhões para R$ 19,3 bilhões), Goiás (de R$ 14,3 bilhões para R$ 15 bilhões), Pernambuco (de R$ 13,8 bilhões para R$ 14,4 bilhões) e Ceará (de R$ 10,4 bilhões para R$ 11,3 bilhões) também se destacaram no aumento de arrecadação do tributo estadual.

Dados tributários como estes são captados e acompanhados pela Thomson Reuters no Brasil, praça em que oferece soluções líderes globais em gerenciamento fiscal, no ambiente corporativo e também para governos. São, em média, mais de 40 alterações legais por dia no Brasil, cenário que demanda especialistas em legislação acompanhando em tempo real as mudanças que impactam o dia a dia das obrigações tributárias.

A combinação de tecnologia com conteúdo regulatório atualizado em tempo real tem facilitado o dia a dia de 80 das 100 maiores empresas brasileiras, que utilizam a solução ONESOURCE Mastersaf, da Thomson Reuters. A Thomson Reuters é líder em soluções de tecnologia com conteúdo para os mercados fiscal e tributário, atendendo mais de 1.100 grupos econômicos no Brasil.

Para Santiago Ayerza, Presidente da Thomson Reuters Brasil, “o expressivo volume de mudanças regulatórias que enfrentamos diariamente no Brasil impacta na transformação do papel dos profissionais das áreas fiscal e tributária, que devem lançar mão de soluções de tecnologia confiável para poder dedicar mais tempo a questões estratégicas e apoiar o crescimento de suas empresas”.

 

Thomson Reuters

Resultado da aquisição do Reuters Group pela Thomson Corporation em 2008, a Thomson Reuters é a provedora líder mundial de soluções em tecnologia e informação estratégica para empresas e profissionais dos segmentos financeiro, de risco e compliance, jurídico, tributário, contábil e de comércio exterior. Com mais de 45 mil profissionais no mundo (2.200 no Brasil), a empresa utiliza sua expertise global para auxiliar seus clientes a transformarem dados em estratégia, possibilitando otimização na gestão de investimentos, mitigação de riscos e cumprimento de todas as obrigações legais e regulatórias.

Thomson Reuters é o provedor líder mundial de notícias e informação para mercados profissionais. Nossos clientes confiam em nossa companhia para ter acesso à inteligência, à tecnologia e à experiência que precisam para obter respostas confiáveis. A empresa opera em mais de 100 países há mais de 100 anos. As ações da Thomson Reuters estão listadas nas Bolsas de Valores de Toronto e de Nova York. Para mais informações, visite www.thomsonreuters.com.br

Contatos para a imprensa

Camila Soares

Head of Corporate Communications, Brazil
Thomson Reuters
+55 11 2159 0562
camila.soares@thomsonreuters.com

Felipe Carlos / Felipe Mazorca / Cíntia Ferraz

+55 11 4873-7600
thomson.reuters@idealhks.com