Nós devemos fazer mais

Esta mensagem foi enviada por Steve Hasker, Presidente e CEO da Thomson Reuters, a todos os funcionários globais em 2 de junho de 2020.

Colegas,

Como todos vocês, estou profundamente perturbado com os recentes exemplos de injustiça racial nos Estados Unidos. Moro e trabalho nos EUA há 25 anos e as palavras para descrever minha reação são descrença e tristeza. As questões subjacentes estão tão arraigadas, que pouco progresso foi feito.

É por isso que ouvimos de muitas pessoas em todo o País que estão experimentando intensos sentimentos de raiva, frustração e exaustão, independentemente da proximidade pessoal dos eventos que dezenas de milhões de pessoas estão assistindo.

A mais recente tragédia, que ocorreu em Minneapolis - onde muitos de nossos colegas vivem e trabalham – nos traz uma lição casa. Colegas e líderes empresariais - independentemente de sua política ou histórico - expressaram seu desejo de que encontremos uma maneira de ser uma força positiva.

Somos uma organização que entende o poder da diversidade e da inclusão e devemos fazer mais porque se organizações orientadas a propósitos como a nossa não agirem em tempos como esses, então fazemos parte do problema. Estou decidido que nossa empresa fará parte da solução.

Devemos sempre ter a coragem de ouvir. Devemos sempre perguntar como podemos ser uma força para a mudança. E sempre deixaremos a política partidária na porta. Essa empresa sempre manteve, e sempre manterá, o difícil diálogo sobre como podemos unir as pessoas para resolver questões que afetam nossas comunidades, incluindo esforços globais para promover a paz, a justiça e instituições fortes que atingem o coração do estado de confiança.

Na sexta-feira (29), escrevi para líderes de nossos Grupos de Recursos de Negócios e outros líderes de nosso campus MSP. Nesta semana, vou me sentar com membros da Black Employee Network e da equipe Diversity & Inclusion. Para mim, será uma chance de ouvir diretamente como esses eventos estão afetando as pessoas. Será também uma oportunidade de traçar um caminho juntos - para considerar o papel que podemos desempenhar.

Para aqueles que já são voluntários em Minneapolis e St. Paul, obrigado pelo grande apoio que têm demonstrado a seus colegas e vizinhos nos últimos dias. E aos jornalistas da Reuters que também estão no local - com riscos à segurança pessoal -, obrigado. Relatórios factuais e imparciais estão mantendo o mundo informado.

Falaremos mais nas próximas semanas mas, por enquanto, continue cuidando de si e de seus entes queridos. Continuaremos a trabalhar local e nacionalmente para fortalecer os fundamentos da sociedade, da maneira que pudermos.

 

Steve